sábado, 9 de abril de 2016

Opinem...

Gosto muito, muito de cães de grande porte...tivemos uma Retriever do Labrador que nos ofereceram que, com 7 meses pesava 40 kilos. A minha mais velha fugia a sete pés dela. Trancava-se no quarto pois era derrubada pela cadela.
Tive que a dar, não podia ter a miuda trancada no quarto a toda a hora. foi para uns amigos com uma casa com muito terreno e é feliz, ao que podemos constatar.
Agora, com as miúdas com mais 4 anos, querem dar-nos um destes, que, atinge, no máximo, em idade adulta 3, 5 kilos. Estão todos doidos cá em casa...mas eu não tenho tempo para a levar a passear e sei que os outros também não.
Que acham?

23 comentários:

  1. Olha, acho que não vais resistir. Vais ficar com ele. Até eu queria :-)
    Todos tinham que ajudar.

    Beijo e uma noite feliz

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Acho que eles precisam muito de correr e confraternizar com outras pessoas e outros cães. Não condeno quem tem cães em apartamentos, até porque eu moro num apartamento e tenho "cãodela". Mas deve ser frustrante para eles ficarem o dia inteiro sozinhos e só irem à rua de fugida, fazer as necessidades. Acho que os animais se tornam medrosos e inseguros.
    A minha já vai com 16 anos, mas eu continuo a "apertar com ela". Ao ritmo dela, é raro o dia que não anda dois a três quilómetros, muitos deles no campo e sem trela. Chega a casa cansada, mas feliz. E eu também, mesmo nos dias em que não me apetece e só vou por ela.
    Pensa bem, antes de decidires. :)

    ResponderEliminar
  3. Fica com ele :D
    Eu suspeita para falar porque tenho 3 cães (uma husky de 40kg e dois rafeiros pequeninos) e eles são uma óptima companhia, super brincalhões e meigos. Se pudesse teria mais, aliás adoptava uns quantos.
    Além disso, está cientificamente provado que crianças que crescem rodeadas de cães ficam com o sistema imunológico reforçado ;)

    ResponderEliminar
  4. Acho que deves ponderar bem. Os meus pais têem um desses e apesar de ser um amor requer muita atenção e sempre que fica sozinho muito tempo faz alguma asneira. Se não vais ter tempo para dar pelos menos 2/3 passeios por dia com ele se calhar o melhor era esperares mais uns tempos. Temos que pensar que se nós não gostamos de ficar o dia todo sozinhos em casa eles também não!

    Pondera bem e toma a melhor decisão para a tua família e para o cão! :)

    ResponderEliminar
  5. Eu sempre tive imenso medo de cães orque fui ferrada por um em criança. No meu caso ter um cão grande seria impensável. Ter um destes que está na imagem, ainda ponderaria, sobretudo porque já deu para perceber que a Pimentinha adora cães.

    ResponderEliminar
  6. Eu adoro esses cães e não quereria um... Exigem tempo, responsabilidade e limitam quando queremos ir de férias. Já para não falar nas despesas de veterinário! Mas o que para mim é uma limitação para ti pode não ser! 😉

    ResponderEliminar
  7. Também prefiro cães de porte um pouco maior.
    Tendo em consideração algum medo por parte das crianças, acho que esta escolha está muito bem.
    Com um cão mais pequeno deve ser mais fácil em algumas coisas, mas acho que a decisão tem de ser muito responsável, não é apenas pelo humano, tem de ser também pelo bicharoco.
    Acredito que vão decidir acertadamente.
    Este cão tem ar de ser um amor.

    ResponderEliminar
  8. Que ao amorosos, não tem dúvida. Mas são animais que precisam muito de liberdade. de correr de saltar. Se não têm tempo para lhe dar isso, vão fazê-lo infeliz. Pensem nisso.
    Um abraço e bom Domingo

    ResponderEliminar
  9. Penso que os cães grandes têm mais necessidade de correr que os mais pequenos mas não sei.

    No meu caso,tenho uma cadela pequena mas tenho espaço exterior e ela anda quase sempre solta.

    ResponderEliminar
  10. Olá, Maria.
    Eu adoro animais, apesar do trabalho e cuidados que exigem e merecem.
    Concordo com o que Homem do leme diz em seu comentário, em relação ao tratamento que os cães, seja grande ou pequeno, merecem.
    Com uma reorganização e divisão de tarefas, não será, de todo impossível. Mas tu é que sabes o que é melhor e, juntamente com a família, chegarão à decisão.
    Eu tenho um que só é maior em pelo - é um pequenois. Esse não sabe fazer as necessidades sem ser na rua: vai de manhã e à noite, faça chuva ou sol - na chuva, como hoje, é uma aventura! Mas, com todo o trabalho, adoro-o e digo: vale a pena. =)

    tem um bom domingo,
    bj amg

    ResponderEliminar
  11. é preciso ter tempo para cuidar de um animal....se não existe essa disponibilidade não vale a pena.

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  12. A minha opinião é que não deves ter cães. Um animal não é um objeto e se não se tem disponibilidade total para ele não se deve ter. Um animal deve ser tratado como uma pessoa. Esse até pode não crescer muito, mas sabes que é tudo muito bonito quando são novidade é pequenos.
    Bom domingo.
    Beijos

    ResponderEliminar
  13. Pensa bem, um cão num apartamento é uma carga de trabalhos. Os cães precisam de espaço e liberdade. Depois se já tens uma vida complicada com trabalho, casa e filhos ainda vais complicar mais a tua vida. Sem falar na "prisão" quando quiseres ir de férias ou de fim de semana.
    Também dão muita despesa.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  14. Adoro yorkshire, tenho uma ! E acho que vai fazer muito bem as crianças! Mas precisa ter tempo e disposição, pois também dão trabalho como qualquer outro.

    Bjokas,
    Blog: DMulheres
    Instagram : @dmulheres

    ResponderEliminar
  15. Eu adoro animais e tenho dois gatos, que são aquele descanso no que toca à parte de fazer as necessidades. Também prefiro cães maiores, adoro Labradores, mas grande ou pequeno não quereria nenhum por causa do tempo que exigem no exterior e também não tinha coragem de só os levar 5 minutos a passear. Além de que para educar os cães são, na minha opinião, mais difíceis, tanto a nível de fazer as necessidades, como do quanto gostam de roer tudo enquanto são novos. Talvez tenha tido sorte com os meus gatos, mas não estragam nada, nunca enfiaram uma unha num sofá ou cortina (eu vou cortando e eles só gostam de as desgastar no poste do arranhador).

    ResponderEliminar
  16. Os meus pais sempre tiveram cães, mas na rua. Sempre disseram que cães dentro de casa nunca na vida. No entanto, agora temos uma caniche com seis meses e é a alegria da casa. No início pode ser complicado, mas depois é a melhor coisa que podíamos ter feito. Claro que também é preciso ter paciência para educar.
    kiss na cheek

    ResponderEliminar
  17. Eu fui criada com um pastor alemão e fazia dele o meu cavalo. Era adorável e bastante paciente comigo. Anos mais tarde tive um cão de porte médio que só fazia judiarias. Faz quase 11 anos que tenho uma caniche toy (2,5kg) e tanto tem de adorável como de traquina. A diferença que noto nos cães mais pequenos ébque ladram mais é o ladrar é mais irritante. Mas é resto, são tão companheiros como os grandes e por serem mais " portáteis" podemos levá-los para todo o lado ;)

    ResponderEliminar
  18. Que vai sobrar para ti. Sobra sempre :)

    ResponderEliminar
  19. Tão giro! Sempre tive animais e adoro, sou suspeita para dar opiniões :)

    ResponderEliminar
  20. Tem um ar super fofo, mas sou como tu, adoro é cães enormes! =)

    Eu sempre quis ter um cão e o namorado também, mas com as despesas que o cão acarreta, a atenção e tudo mais, infelizmente nós não nos vamos meter nisso.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  21. se não tens tempo e mais ninguém tem o melhor é deixares para outra altura....quando as meninas
    forem maiores e mais responsáveis, assim elas podem ir com ele à rua!!!

    ResponderEliminar
  22. Tenho uma micro desta raça chama-se Canela, para os íntimos Nelinha, ela é considerada micro pois pesa apenas 1,800 Kg, pouco maior que uma long neck, enfim, como moro em apartamento e fico fora o dia todo, foi uma ótima aquisição, esta raça, é muito caseira, não necessita passeios todos os dias, e fica bem, são ativos mas também curte um soninho com os donos, são calmos, porém a falta de brinquedos faz com que roam moveis portanto, ao adquiri um deste sempre bom adquirir uns brinquedos para eles,e renovar de vez em quando me deram esse conselho e foi super sabio, acho que é uma excelente escolha não vais se arrepender!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O problema é que nem sempre os animais querem saber dos brinquedos que lhes damos, sejam novos ou velhos. Alguns preferem mesmo entreter-se com o que não devem...

      Eliminar