quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Da realização...

Trabalhar com situações de crianças que vivem em condições de vida deploráveis, que têm pais que são autênticos monstros (tanto a nível de negligência física como maus tratos emocionais) é muito desgastante. Mas tem tanto de desgastante como de compensador...Sentimos que estamos a fazer algo que pode fazer a diferença na vida de alguém...
Não digo que não tenha vontade de bater em algumas pessoas com quem me cruzo porque a terrível realidade consegue sempre superar o horror da imaginação, mas acima de tudo o que importa são os meninos e meninas que precisam de ser felizes!
Estou contente com o meu trabalho! As crianças sempre me tocaram profundamente.

3 comentários:

  1. Minha querida amiga, conheces-me razoavelmente bem e chegamos a falar sobre esse tema. Tal como a ti, é uma área que me toca particularmente e penso, frequentemente, que não é para qualquer alma. Tenho a certeza absoluta que essas crianças estarão nas melhores mãos. Deus é grande e conduziu-te a esse novo lugar, que certamente te vai fazer chorar, mas sorrir também. Ainda bem que existem pessoas como tu!

    ResponderEliminar
  2. Como te compreendo, às vezes somos as únicas que os compreendem!

    ResponderEliminar
  3. Espero que continuem a tocar e que consigas fazer a diferença na vida de muitas!

    ResponderEliminar