Amor de filho é...

A mãe ter tido um furo no trabalho, ter-se ido embonecar ao cabeleireiro para um fim de semana (em que quiça não sairá de casa) e, ao chegar à escola, vaidosa e auto confiante na sua figura, ouvir "Que horror mãe, foste ao cabeleireiro!" Foi assim que fui recebida há pouco, à porta da escola.

7 comentários

  1. haha que maldade!
    Não sabem apreciar um bom corte pronto! =P

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foram sinceras, só isso. Nada há de mais sincero que as crianças.

      Eliminar
  2. Looooooool... Olha que se calhar, são como eu eu não gosto de me ver impriquitada,. loool
    Mas imagino a tua cara, loool

    ResponderEliminar
  3. Que maldade mesmo, mas talvez não é por acharem que esta realmente horrível, mas sim porque habituam-se sempre ao mesmo visual e acabam por estranhar quando vêm alguém diferente. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já não é a primeira vez que reagem assim. Mas eu não me importo, até acho graça.

      Eliminar
  4. Ahahah, não, vim com a cabeça de fora da janela do autocarro. ahahahahahah

    ResponderEliminar
  5. Se calhar enganou-se no adjetivo :p

    ResponderEliminar