Muito acertado!

sexta-feira, 27 de novembro de 2015
Acabei de ler que, ontem, na tomada de posse, os ministros nomeados não foram chamados pelo seu título académico (doutor, Doutor, engenheiro, arquitecto etc.) mas sim pelo seu nome próprio. E regozijei-me. Claro que quando vou ao médico o trato por Dr..
Mas, quando a senhora que ajudou a minha mãe a criar-me me começou a chamar pelo meu título académico, mostrei-lhe o meu, então, Bilhete de Identidade, e mostrei-lhe que aquele apêndice não existia no meu nome. Fora do meu local de trabalho, eu sou a Maria do Mundo e não a Dr.ª Maria do Mundo. Na escola sou a "Mãe", forma pela qual adoro ser tratada.
Os ministros também estão ali para servir o país e na sua qualidade pessoal. Por isso, achei muito acertado que os tivessem tratado pelo nome. Menos uma parolice.

11 comentários

  1. Tomámos de exemplo o país irmão, no Brasileiro tudo é doutor, mestre até o cartomante ou em línguagem madeirense " o que tira sortes".
    Acho muito bem.
    Kis:=)

    ResponderEliminar
  2. Completamente de acordo! Também costumo dizer que se a minha mãe quisesse que me tratassem por engenheira, me teria registado/batizado assim! lol

    ResponderEliminar
  3. Sempre que me tratam por Dra eu digo que não dou consultas. Acho isso a maior cagança que este país tem.
    Se ontem foi um passo para começarem a abolir isso, acho excelente.

    ResponderEliminar
  4. E eu que embirro solenemente com as pessoas que querem ser sempre tratadas pelo titulo .
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  5. Essa mania do título académico é muito portuguesa, Maria do Mundo.
    Não gosto que me tratem dessa maneira.
    Especialmente pessoas com as quais tenho contacto frequente.
    Até fiquei ofendido quando pessoas que me conhecem desde pequenino, que sempre me tratam por menino ou Pedrinho (sim, sempre fui muito mimado) de repente acharam que tinham que me tratar por Dr.
    Era o que faltava.
    O Pedrinho tem barba branca, duas filhas crescidas.
    Mas é o mesmo caramelo.
    Bfds

    ResponderEliminar
  6. Quando uma pessoa, que me conhece desde que nasci, me começou a tratar pelo título também fiz o mesmo ... é bizarro, o "canudo" significa que adquirimos mais conhecimento, não que mudamos!

    ResponderEliminar
  7. No Brasil é que é. Qualquer 'bicho careta' é tratado por doutor(a).
    Sem dó nem piedade :)

    ResponderEliminar
  8. Até me admira. Num país onde quase toda a gente tem a mania dos doutores.

    ResponderEliminar