Expliquem-me...

Segundo um inquérito feito pela Sapo, mais de 50% das pessoas não comemora o carnaval...mais de 30% não gosta sequer do carnaval... Então porque é que o mesmo equivale a dia feriado na maior parte das convenções colectivas de trabalho do sector privado e os funcionários públicos ansiavam por vê-lo considerado, oficialmente, como tal?
Porque dá jeito...porque é mais um dia livre, certo?
Nunca liguei ao carnaval até ser mãe...altura em que comecei a fantasiar as minhas filhas...mas que me é bom ter este dia é!

10 comentários

  1. Nao ligo nada ao Carnaval, mas lá que sabia bem ter férias quando estudava, sabia... :) Agora é-me indiferente.

    ResponderEliminar
  2. Acho, sem dúvida, que é mesmo mais um dia. Isso e a ideia de ser um direito que existia e que tinha sido retirado. Mas, a meu ver, isso acontece com a maioria dos feriados. Uma pessoa que não é religiosa, pouco se importa com o que se comemora no dia 8 de dezembro, por exemplo.

    Em relação ao Carnaval, também não ligo nada.

    ResponderEliminar
  3. Eu cá adoro o Carnaval! O que há para não gostar? Diversão, animação e tradição até mais não! E a alegria da pequena nesta altura é contagiante! Pelo menos uma vez no ano é tempo de esquecer os problemas e sermos quem quisermos! Bom Carnaval!!

    ResponderEliminar
  4. Eu acho que as pessoas dizem que não ligam, mas depois no dia, se não se mascararem, vão pelo menos ver os desfiles, etc... Por isso, acaba toda a gente por "ligar".

    ResponderEliminar
  5. Eu não ligo mas claro que me sabem bem os dias em casa. Uma coisa não implica a outra. Acho eu.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  6. Pelo mesmo motivo que toda a gente gosta de ter um feriado religioso, independentemente de ser católico (e praticante ou não), ou de comemorar datas históricas que já quase ninguém se lembra do porquê de existirem: como dizes, um dia de descanso é sempre bem-vindo =).
    Eu sou funcionária pública desde 2012, hoje é a primeira vez que não trabalho neste dia e, apesar de não estar a comemorar o Carnaval, está a saber-me muito bem a tolerância.

    ResponderEliminar
  7. Desde que a minha Pimentinha nasceu, que sem dúvida que o Carnaval passou a ter um significado diferente! E claro que não posso negar que sabe muito bem ficar em casa, no quentinho do lar (este tempo não está para grandes festividades). Já fui trabalhar dois anos seguidos neste dia e sinceramente, custava saber que metade de Portugal estava em casa e nós com 4 ou 5 miúdos no centro.

    ResponderEliminar
  8. Na minha empresa trabalha-se! Por acaso este ano tivemos poucos miúdos e só um funcionário chegou para dar conta do recado. Para o ano já se equaciona fechar neste dia...
    Já fui mais de gostar do carnaval. Antes participava em concurso com os meus amigo...este ano mascarei-me apenas para não me sentir deslocada na festa onde fui!

    ResponderEliminar
  9. Pois, eu estive a trabalhar... Mas não me importava nada se me tivessem dado umas horinhas!

    ResponderEliminar
  10. Não te esqueças de um factor importante: O Carnaval é também um investimento das juntas ou camaras - não sei - que visa trazer receitas para a localidade. No caso das que realizam desfiles, pois claro. A restauração, as lojas de confecções e acessórios - tudo isso conta com esta época do ano para aumentar a caixa. Portanto até é bom que seja feriado, caso contrário não haveria gente para consumir :)

    ResponderEliminar