sábado, 23 de abril de 2016

Ora digam lá...

A propósito de um post sobre a possibilidade de os pais poderem assistir aos partos e isso poder diminuir o desejo sexual deles, lembrei-me de um artigo que li numa revista sobre a partilha da intimidade entre os casais.
Cá em casa partilhamos tudo enquanto casal, excepto alguns momentos na casa de banho em que preferimos ficar sozinhos com as nossas leituras. Mas, sei que há casos, em que fora as situações de relacionamento íntimo, os casais não partilham a nudez, elas não fazem depilação à frente deles, por exemplo e não entram na casa de banho quando o outro está. Entendem que, esta partilha de momentos pouco sensuais do dia a dia, mas necessários ao ser humano, os pode fazer perder parte do desejo.
Eu entendo, esta intimidade que partilho com o meu marido como fazendo parte desta comunhão de vida que vivemos.
E vocês, que acham?

7 comentários:

  1. O mais importante é que o casal perceba aquilo que é mais confortável para eles

    r: Sem dúvida!

    ResponderEliminar
  2. Aqui em casa parece-me que é como na tua: privacidade q.b. O resto faz parte de nós como casal.

    ResponderEliminar
  3. O casal é que tem de saber como se sente mais confortável. Mas há certas situações que acabam por ser naturais para os dois. Nem faz sentido doutra forma.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  4. O casal deve dividir o que de interessante e enriquecedor para ambos, tem coisas que não precisam ser compartilhadas e que é um momento de cada um. Eu admiro a individualidae neste momento.

    Bjos e bom final de semana,
    Blog: DMulheres
    Instagram : @dmulheres

    ResponderEliminar
  5. Aqui partilhamos a vida mas não o wc, nem a depilação hahahaha. Não é por uma questão de poder perder o encanto e atrapalhar a vida sexual, é uma questão de respeito pelo outro, também não entro na wc quando lá estão as minhas filhas. Posso bater á porta e pedir para lá ir buscar alguma coisa que precise, mas entro e saio logo.Fui educada assim. Quanto ao casal, acredito que não é preciso partilhar tudo para serem mais próximos.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  6. Este episódio é verdadeiro, e até me custa contá-lo: conheci em tempos um casal em que ela só conseguia fazer cocó se o marido lá estivesse a fazer companhia. Achei um bocado doentio... Serei só eu?

    ResponderEliminar