Tenho pena!!!

Tenho pena que tenha sido preciso consagrar em lei, para aplicar a todos os estabelecimentos públicos e privados em que se faça atendimento ao público presencial e com direito a multa pelo não cumprimento, a obrigação de dar prioridade a deficientes, idosos com incapacidades, pessoas com crianças até dois anos e grávidas!
E não me venham com a conversa de que gravidez não é doença. Bem sei que não é. Trabalhei até à véspera de ter as minhas filhas, mas grávida a partir dos 6 meses, muito me custava passar muito tempo em pé em filas de supermercados com os pés inchados.
Isto deveria ser um comportamento adquirido (o dar prioridade) e não ser necessário ser imposto por lei! Mas é assim...o civismo nem sempre impera e há sempre alguém que barafusta e olha de lado o velhote, a grávida ou o deficiente que usam as filas prioritárias fazendo-se valer do seu estado. Quem não aprendeu a bem, aprende a mal!!

16 comentários

  1. Ser lei também acho um exagero...

    Beijocas

    ResponderEliminar
  2. Nunca precisei de lei para lhes dar a prioridade e às vezes com grande dificuldade, como depois de uma cirurgia de barriga aberta em que rebentei dos pontos e durante bastante tempo tinha grande dificuldade em estar de pé parada.
    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Quando o óbvio tem de ser legislado, alguma coisa está muito mal...

    ResponderEliminar
  4. pois é infelizmente o Ser humano esta perdendo o respeito ao próximo
    Tambem concordo que gravidez nao seja doente afinal tambem trabalhei ate o ultimo dia mas vamos falar os ultimos meses sao tao desconfortaveis , inchaço e peso da barriga, sem contar que ja nao dormimos direito
    agora velhice como falam tem que ter o direito so por ter mesmo sem muita explicaçao afinal a pessoa da duro a vida toda, cuida de filhos e enfim se aposenta o corpo ja nao é tao forte e as pernas muitas vezes fraquejam e ai vc olha aquele jovem tirando o direito das gravidas, idosos e deficientes ...

    Vamos acordar povo mais respeito ao proximo


    bjs e estou te seguindo diariamente

    ResponderEliminar
  5. Infelizmente ainda há muita gente que só conhece a linguagem da régua :(
    Bfds

    ResponderEliminar
  6. A lei é precisamente porque as pessoas não respeitam..e mesmo assim!

    Beijos e bom fim de semana

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. há muita gente com falta de civismo :(

    ResponderEliminar
  8. Aqui muitas vezes não dão lugar a grávidas, velhos e crianças. EU dou, não me custa ir em pé e as pessoas ficam muito espantadas e agradecidas...

    ResponderEliminar
  9. Folgo em saber! É que há gente que se recusa a dar prioridade e chega a ser mal educada! :)

    ResponderEliminar
  10. Acho muito bem! Nos serviços públicos já estava previsto, mas a verdade é que no privado não era observada a mesma regra. Lamentável é ao que assisto,pontualmente, quando algumas pessoas ficam indignadas que se dê prioridade a crianças de colo e façam cenas do género, pegar no filho com oito anos e pegar nele ao colo e dizer alto e bom som" o meu filho também é de colo, exijo prioridade" somos um país vergonhoso !

    ResponderEliminar
  11. Muito obrigado, minha querida :D

    Infelizmente estamos perante uma sociedade que, literalmente, não sabe viver em sociedade. É ridículo!

    NEW BRANDING POST | Enjoy this SURPRISE for you.
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  12. Já que as pessoas não respeitam as fragilidades dos outros...que seja aplicada a lei.

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  13. Ainda ontem comentei isso. Há tanto bronco e mal educado que só assim!

    ResponderEliminar
  14. É mesmo vergonhoso. Eu nunca precisei de lei nenhuma para dar o lugar a ninguem! Beijinho

    ResponderEliminar
  15. Quando as pessoas não aprendem a bem, têm de aprender a mal. :)

    ResponderEliminar
  16. Mas mesmo assim há sempre quem reclame! Falo por experiência própria ( tenho um baby de sete meses). Quando estou com o meu marido recuso sempre quem me deixa passar só para não ouvirmos bocas: "trazem o bebé só para passarem à frente dos outros" sim, eu já ouvi isso e só me dá vontade de responder: " Não se preocupe para a próxima deixo-a sozinha em casa". Arre gente parva!

    ResponderEliminar