sexta-feira, 28 de abril de 2017

Pois, não sei!

Tolerância de ponto para funcionários públicos no dia 12 de Maio. Uns, a favor. Outros contra, aqui del rey!
Pois...não sei. Acho bem que seja dada porque, afinal, é uma figura que reúne grande consenso mundial, entre católicos e não católicos. Acho bem porque a religião predominante em Portugal é a católica.
Se não dessem tolerância também não achava mal. Afinal somos um país laico. Quem tem as suas convicções religiosas e quer ir vê-lo, que meta falta, que era o que eu ia fazer!
Mal, acho apenas que os trabalhadores do privado não tenham a mesma tolerância...Achava bem que tivessem todos, ou que não tivesse ninguém.
Pois, não sei!

22 comentários:

  1. Concordo, deveria ser igual para todos - ou todos com tolerancia ou ninguem com tolerancia!

    ResponderEliminar
  2. Por aqui as tolerâncias também são apenas para o funcionalismo público.
    Porque o Estado não pode decretar tolerâncias para as empresas privadas.
    Pode é transformar a data em feriados.
    E assim já todos os gozam.
    Bfds

    ResponderEliminar
  3. Sou católica e gosto imenso do Papa Francisco, mas sou franca, esta tolerância de ponto não me faz qualquer sentido!

    ResponderEliminar
  4. É um assunto delicado mas, na minha opinião, os funcionários públicos têm tolerâncias de ponto a mais. :/


    Ms. Telita | Telita LifeStyleFacebookinstagram

    • novo grupo para divulgação de blogs: blogs Lifestyle Portugal

    ResponderEliminar
  5. É como eu ... pois não sei!!!
    Ou todos ... ou ninguém!
    Bj

    ResponderEliminar
  6. Eu não acho bem, ou não é para ninguém ou é para todos!! Se é um evento assim tão extraordinário que merece tolerância de ponto, então era declarado feriado. Assim, só os funcionários públicos têm essa benesse. Já para não falar nas escolas: vai haver aulas, não vai, alguns professores aproveitam a tolerância, outros não, os miúdos têm de lá estar plantados o dia todo porque alguém pode resolver ir? É só estúpido, isto...

    ResponderEliminar
  7. Totalmente de acordo. Ou todos ou nenhuns!

    https://jusajublog.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  8. A verdade é que se a tolerância é para existir, devia de ser dada a todo.
    Seguimos o blog :)
    Beijinhos***
    _________________________
    All The way is an adventure
    Jess & Rose Blog | Instagram | Youtube

    ResponderEliminar
  9. Concordo totalmente! Ou têm todos ou não tem nenhum! :)

    A Marca da Marta

    ResponderEliminar
  10. Eu confesso que acho que deveria se algo para todos, mas pronto :)

    THE PINK ELEPHANT SHOE // INSTAGRAM //

    ResponderEliminar
  11. Ou todos ou nenhuns... quando ao facto de sermos um Estado laico, nada a ver... também temos tolerância na Páscoa, Natal e afins!

    ResponderEliminar
  12. Isto é apenas para criar guerrinhas. Porque não são todos iguais? O que são uns a mais que outros? Não estamos em igualdade? Parece que não! Para os públicos é ponte. Os outros que trabalhem!! Enfim é caso de revolta. Ou era para todos, ou para ninguém.

    Este País é um fracasso!

    Que o Santo Papa venha para nos abençoar.

    ResponderEliminar
  13. Eu entendo mas não concordo, ou era para todos ou então não era e quem quisesse tirava ferias ou como entendesse.

    Não julgo, mas continuo a achar que os funcionários publicos se queixam sem qualquer motivos (nem direitos nem deveres se aproximam aos da função privada)

    Alex

    ResponderEliminar
  14. Eu só não concordo por ser apenas no público...e quem trabalha no privado não tem direito?

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  15. O estado não pode obrigar os empregadores privados a conceder tolerância de ponto. Cada patrão faz o que bem entende

    ResponderEliminar
  16. Concordo, a benesse devia ser para ambos os lados! -.-
    Muito menos concordo com fecharem as escolas públicas, pois muitos pais não têm onde deixar os filhos pois a grande maioria trabalha no privado. Mas pronto...eles é que mandam...

    ResponderEliminar
  17. Eu não concordo porque, como sempre, não é igual para todos...

    ResponderEliminar
  18. Na minha humilde opinião, quem quer deve pedir e os patrões não deveriam negar.

    ResponderEliminar
  19. A meu ver, ou é para todos ou para ninguém.
    É que nestes dias de tolerância de ponto, já sei que no meu caso o meu trabalho vai ser em triplo do normal.

    ResponderEliminar
  20. Sou contra a tolerância de ponto no seu todo.
    Será que todos vão a Fátima?

    Não entendo.

    ResponderEliminar