Vícios...

Durante alguns anos da minha vida fumei... fumei imenso! Pelo menos dois maços de cigarros por dia. Deixei de fumar no dia em que soube que estava pela primeira vez grávida. Nunca mais.
Ás vezes ponho-me a pensar que, se ainda fumasse, a minha carteira se ressentiria imenso!
Mas depois lembro-me que tenho outro vício. Como sou há anos completamente viciada em crochet,  (não aquele dos naperons ou das pegas de cozinha, mas sobretudo tunisiano e em lã) e há coisa de um mês em trictot (sim, perdi o medo ao tricot graças a esta senhora que descobri por acaso), sou viciada em fios. Acho que nuca tenho suficientes e sempre que vejo algum giro, imagino uma peça para fazer.
Claro está que já sei que tendo como ganha pão outra profissão, o crochet e o tricot e, consequentemente os fios, são apenas um vício, uma perdição, porque tenho sempre muitos mais que aquilo que preciso, e não tenho tempo para todos os projectos que imagino.
Seja como for, sempre é um vício que, apesar de igualmente caro, é bem mais saudável que um maço de tabaco.
Para mim, melhor que receber uma caixa de bombons (não sou nada fã de chocolate doce, só de cacau), é receber uma caixinha destas, como a que recebi hoje para fazer umas golinhas de presente de Natal, como estas que fiz no fim de semana.







23 comentários

  1. Também gosto imenso, mas estou duas horas a tricotar e tenho que tomar um nolotil para as dores pois fico numa desgraça. Ainda assim todos os anos faço camisolas para a neta.
    Abraço

    ResponderEliminar
  2. Elvira, cuidado com o Nolotil. Ouvi umas notícias quaisquer aqui há dias.

    ResponderEliminar
  3. Acabamos sempre por desenvolver vícios, uns mais saudáveis do que outros, é certo, mas têm a mesma base. Mas acredito que, desde que pertençam ao primeiro grupo e que não nos impeçam de adquirir bens mais essenciais, fazem falta. Porque todos deveríamos ter uma ocupação que nos permita distrair!
    A gola ficou bem gira :)

    ResponderEliminar
  4. Este é um bom vício.
    O tabaco, que deixei há cerca de doze anos, é um vício péssimo.
    Bjs, bfds

    ResponderEliminar
  5. Também sou viciada em tricot, crochet e costura. Quanto a ti, um vicio muito mais saudável, dizem até que é anti-stress e muito mais giro.

    ResponderEliminar
  6. Eu adoro tricot, crochet tudo... só não avanço porque a minha carteira também não!!!

    A gola preta e branca está o máximo!!!

    ResponderEliminar
  7. É bom vício:))

    Bjos
    Votos de uma óptima Sexta-Feira

    ResponderEliminar
  8. Temos de ter algum vício mas quanto mais saúdavel melhor. Eu é a bicicleta que também não é barato, aliás, todos os vícios são caros mas se forem mais saudáveis que o tabaco, tanto melhor:)

    ResponderEliminar
  9. Parece-me um bom vício!
    https://jusajublog.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  10. Mais vale gastar o dinheiro em croché que em tabaco, é bem diferente!! :) E tu sabes bem :)!!

    Desespero ...
    Beijos e bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  11. E pensares em vender essas coisas gira? É algo que gostava mesmo muito de saber fazer... Beijinhos*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho que me ficar mesmo pelas ofertas. O meu estatuto profissional não me permite ter outros rendimentos que não os da minha profissão.

      Eliminar
  12. Gosto tanto! Ia perguntar se não fazes para vender, mas já vi a resposta no comentário acima :/ são mesmo giras!

    ResponderEliminar
  13. Venham os vícios saudáveis, construtivos e criativos como esse!
    Hoje também estive a pensar nisso...
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  14. É um bom vício! As golas ficaram bem giras! :)
    beijinhos

    www.amarcadamarta.pt

    ResponderEliminar
  15. Têm um ar mesmo fofinho =)

    Beijocas

    ResponderEliminar
  16. Mas que vício bom! Também sou viciada em tricô, costuras e bordados. :) Adoro estas compras, as lãs são quentes e lindas! Além disso, este vício é terapêutico e dietético, enquanto tricoto limpo a mente e o estômago (não como porcarias, rs...). Portanto, muitos parabéns pela mudança de atitude e pelos lindos tricôs!
    Beijinhos, bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  17. A minha mulher adora fazer casaquinhos de lã para bebé ! ... Ela, era muito sujeita a depressões e os médicos chegaram a aconselhá-la a continuar com essa distracção, que para ela era um verdadeiro calmante e tranquilizante !
    Fazia-lhe um bem, muito maior que os remédios, até porque não ingeria químicos" ! :))

    Fumar ?... Em minha casa nunca houve fumadores. Nem eu nem a minha mulher, nem os meus 3 filhos que ainda hoje não fumam !
    Aos 13 anos fumei duas vezes "barba de milho" seca, enrolada por uma mortalha de cigarro ! :))... Remédio santo !!... A experiência foi tão má, que... nunca mais !!! eheheh

    ResponderEliminar
  18. Muito giras as golas...
    Eu há bem pouco tempo coloquei na cabeça que ia fazer uns sapatinhos de bébé para oferecer. Minha primeira tentativa em tricot. A verdade é que a criança já nasceu e os sapatinhos não passam de um patamar porque me engano sempre num passo!
    Mas ainda não desisti! Está outra criança a chegar à familia e vou ver se vai desta...

    ResponderEliminar
  19. Respostas
    1. Estas lãs, especificamente vieram de Espanha. Mas vendem-se cá. Umas são o fio Coccola da Lane Mondial e outra é das Lãs Kátia. Se queseres manda-me um mail para mariadomundo42@gmail.com, que eu posso indicar-te mais algumas coisas. Quem sabe fazer o básico de tricot sabes fazer estas golas.

      Eliminar
  20. Tudo muito giro, tanto jeito!
    Passa pelo meu cantinho que partilho com a minha Mãe, fico à espera da visita.
    Beijinhos/ A Filha

    ResponderEliminar
  21. Desse vício também sofro e não há nada melhor. Beijinhos

    ResponderEliminar