Ter duas...

Ter duas filhas quase com a mesma idade tem inúmeras vantagens...mas também tem desvantagens quando vamos à escola ver as notas de final de 1º período e uma (mais inteligente) tirou piores notas que a outra (mais trabalhadora) ou quando há um sarau da música e uma (a mais trabalhadora) é escolhida para ir representar a escola de música tocando um solo e a outra (a mais inteligente) não é, sendo que nas duas situações uma fica meia tristinha e outra eufórica.
O trabalho acaba sempre por compensar. Pelo menos no sistema de ensino que temos.

9 comentários

  1. Aprecio muito a forma racional como descreves as tuas filhas em virtudes e defeitos! Sendo mãe não é fácil ter uma visão tão clara dos filhos e dizê-lo em "voz" alta. Parabéns! A mais inteligente quando encontrar algo que a entusiasme e desafie vai ser brilhante, e a tua outra filha merecerá sempre o mérito pelo seu esforço e talvez seja ainda mais bem sucedida! O que interessa é que as 2 sejam felizes! ;)

    ResponderEliminar
  2. Acredito muito no poder do trabalho. Acho que move montanas.

    ResponderEliminar
  3. R.: Nem quero pensar na saudade que vai deixar!

    ResponderEliminar
  4. Sempre com a palavra do lado da razão.
    Gostei de ler

    Feliz ano de 2016, que todas as suas realizações se concretizem.
    beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Sem dúvida que o trabalho acaba por levar a melhor, principalmente a partir de determinada nível de escolaridade! E concordo com o comentário da Isa. Parabéns!

    ResponderEliminar
  6. Tenho duas filhas também.
    Mas de idade diferentes (17 e 12 anos).
    Boas saídas, melhores entradas, votos de um Maravilhoso 2016!!

    ResponderEliminar
  7. Não é fácil saber gerir as diferenças....

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  8. Ajudá-las a pensar de modo racional ajuda a compensar os desequilíbrios do sistema.
    Feliz ano novo. :)

    ResponderEliminar
  9. Hummm... pois, às vezes deve ser um bocadinho chatas para elas :) mas são meninas felizes, tenho a certeza ;) é o que interessa!

    ResponderEliminar