terça-feira, 10 de maio de 2016

Tinha que mandar um bitaite!!!

Não acho, ao contrário do que muitos defendem, que ter um filho no ensino privado seja um luxo, uma excentricidade ou seja lá o que for. Cada um escolhe onde quer gastar o dinheiro e onde quer que os seus filhos sejam instruídos.
Sou cem por cento apologista do ensino público, que sempre frequentei e onde tenho as minhas filhas. E sou cem por cento apologista que existam colégios privados com os métodos de ensino que entenderem seguir e apologista que os pais, que os possam pagar, possam escolher.
O que eu sou totalmente contra é que o Estado não invista no ensino público de forma a que este possa aproximar-se mais das necessidades dos que o frequentam e das suas famílias, de forma a que este possa abranger a totalidade dos que querem frequentar, e invista no ensino privado para suprir falhas daquilo de que ele deve ser garante: um ensino gratuito e de qualidade para todos.

11 comentários:

  1. Concordo :) se querem gastar o dinheiro no ensino privado estão no seu direito. Agora o estado não pode ajudar estas instituições para que aceitem alunos quando existem opções no público apenas porque o privado é melhor.. quem paga somos todos. Eu andei no público e cá estou!

    ResponderEliminar
  2. Concordo com o que dizes! Sou defensora do ensino público, assim como sou defensora do SNS. Estudei num colégio privado e foi das piores experiências da minha vida, acredita. Se pudesse voltar atrás, teria feito trinta por uma linha para que os meus pais não me pusessem lá. Não acho que o ensino privado seja melhor do que o público, muito menos um privilégio. É uma opção que deve ser tomada mediante a vontade e possibilidades de cada família. Quanto ao Estado, tem é a obrigação de investir no ensino público (e no SNS já agora).

    ResponderEliminar
  3. Cem por cento de acordo. Não tenho nada contra o ensino privado, nem contra as empresas privadas. Não acho é piada ter que subsidiar os privados, porque eles também não dividem os lucros comigo.

    ResponderEliminar
  4. De acordo com todas as tuas palavras!

    Beijinhos

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Há muitos anos estudei num colégio privado.
    E foi muito importante na minha formação.
    As minhas filhas estudam em escolas privadas.
    Porque me oferecem mais garantias.
    Cada um que escolha o que mais gosta.

    ResponderEliminar
  6. Onde assino ?
    Concordo a 100% com o que escreveste .
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Respeito a tua opinião, porém, sou da opinião que aprender é um direito e como direito, não deveria ser pago ;)


    Beijinho meu,
    http://danielasilvablogof.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  8. Sinceramente já tive mais certezas sobre este assunto... Acho que me faltam dados (e números) que ajudem a uma opinião mais concrecta e esclarecida sobre o assunto.

    ResponderEliminar
  9. Bem eu sou pelo privado porque frequentei os dois e a minha experiência no publico deixou muito a desejar. As minhas filhas frequentam o privado.
    Percebo que sejas contra o apoio do estado aos privados mas deves saber que é uma coisa antiga, tem mais de 30 anos. É que pelos comentários que leio parece que foi uma coisa do governo passado. Não foi, mas parece que agora é que se acordou para esta realidade!

    Beijinho

    ResponderEliminar