Sou medianamente ou muito pouco honesta...

quarta-feira, 16 de novembro de 2016
Pois, meus queridos, devo dizer-vos que, enquanto morei na minha zona de origem (lá para o norte) e enquanto fui mais nova, era uma pessoa muito mais honesta e confiável do que aquilo que sou hoje.
Hoje em dia, em muito poucos momentos e apenas em momentos de grande tensão sou fiável.
Digo isto porque segundo o maravilhoso estudo, as pessoas que falam mal e dizem palavrões, são muito mais honestas e confiáveis, porque exprimem mais as suas emoções.
O povo do Porto é que é honesto...já lá vivi e, muitos, muitos deles, é uma frase com 5 asneiras.
Ora bolas, f....-se!!!


10 comentários

  1. Na minha modesta opinião, então, considero-me honesta. Looooool Depois de largar umas quantas, sinto-me melhor. Lool

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Eu digo muitas mas é como digo, para mim nem é ser mal educada. Faz parte do meu vocabulário.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  3. Por essa ordem de ideias, eu não digo muitos palavrões, também sou pouco honesta pelos vistos...


    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  4. pahah já fui de dizer mais, mas mesmo assim me considero honesta :p

    ResponderEliminar
  5. Quando bebo um bocadito mais, transformo-me numa pessoa honesta! :D

    ResponderEliminar
  6. Sou super-honesta então... principalmente entre colegas de trabalho :-)

    ResponderEliminar
  7. Só sou honesto quando estou sozinho (a conduzir nem admito que haja alguém mais honesto do que eu). Quando ela está comigo, sou um mentiroso e um trafulha da pior espécie. xD

    ResponderEliminar
  8. No Puorto é só honestidade, carago!! :))))
    Bfds

    ResponderEliminar
  9. Não sou pessoa de dizer asneiras, mas volta e meia, quando estou em situações de stress, sai-me uma ou outra. E parece que até fico mais aliviada.

    ResponderEliminar