quarta-feira, 12 de julho de 2017

Distanciamento...lucidez...

Ás vezes é mesmo o distanciamento que nos permite ver com lucidez a estupidez ou o ridículo em que caímos, por vezes, quando nos viciamos em algo.
De há uns tempos para cá que me venho distanciando do facebook. Mas, nem sempre foi assim, e fi-lo porque percebi que precisava de me desintoxicar e estava a perder a paciência.
Mas hoje, passei um bocado por lá...e dei-me conta de como em tempos terei sido exagerada...e dei-me conta porque me revi nas publicações de uma amiga, ou seja, vi como era a minha relação com o face anteriormente. Essa minha amiga, está de férias no estrangeiro...no espaço de 8 horas, publicou mais de 30 fotografias dos sítios por onde andou, do que comeu, do que fez...
Pensei para comigo: mas, ela não está de férias? Será que não larga do telemóvel e o facebook? Estas pessoas não desligam para poderem aproveitar a família?
Depois... depois...dei por mim a morder a língua e a pensar que eu era exactamente assim...E levava a mal que me dissessem alguma coisa...
Há coisas que não conseguimos ver com clarividência senão quando nos distanciamos.


12 comentários:

  1. Eu raramente publico coisas da minha vida. Lá uma foto ou outra...
    Também conheço uma rapariga que tem mais de 1000 fotos. Deus me livre.

    Eu também gostava de me afastar mais. Mas nem tv vejo, é por lá que leio os jornais e coisas que tais.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  2. O telemóvel e as redes sociais são um vício. Eu própria já me viciei nestas. Mas, concordo contigo, há que viver o momento e esquecer um pouco as redes sociais.
    Beijinhos,
    Cherry
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  3. Bom nunca fui muito de Facebook. Às vezes levo uma semana e mais que não vou lá. E de férias então é muito raro.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  4. Oh, infelizmente temos mesmo de combater esse vício!!

    ResponderEliminar
  5. Estamos tão embrenhamos em determinados assuntos que nem sempre conseguimos ver com clareza. Por isso é tão importante fazermos uma pausa, tentarmos olhar à distância, para sermos capazes de compreender aquilo que não está a funcionar

    ResponderEliminar
  6. Eu adoro redes sociais, não sei se sou viciada mas acho que não.
    Partilho imensas fotos no instagram mas também porque tenho tempo para isso, não deixo outras coisas por fazer. Não partilho todos os minutos do dia mas gosto do conceito da partilha.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  7. Eu também ponho algumas. Sou uma viciada. Mas porque passo muito tempo sozinha. Mas reconheço que Há posts que parecem as histórias da anita . Lol
    Volto a dizer, sou viciada.

    Beijos

    ResponderEliminar
  8. Isso é verdade. Eu apesar de ter dados móveis, raramente os gasto porque estão sempre desligados. O nosso cérebro até parece que anda mais leve sem estar constantemente a receber notificações. Por acaso, uma coisa que me habituei bem é ir às redes sociais apenas quando estou em casa. Mesmo que me mandem mensagens para o messenger, eu só vou ver à noite quando chegar a casa. E assim vivo leve que nem uma pena durante o dia.

    ResponderEliminar
  9. Tem pessoas que publicam tudo, vivem de redes sociais. É uma coisa que me faz tanta confusão...

    ResponderEliminar
  10. Tambem me desliguei do Facebook pois acho que muita gente publica muita coisa que deveria manter privada. Tenho amigas que mudam a sua foto de perfil quase diariamente, outros que publicam quando fazem uma boa ação, etc, etc. Ora quem as faz nao se deve congratular por isso ou esperar que os seus amigos os congratulem! Haja paciencia!!

    ResponderEliminar
  11. Quem diz neste caso das redes sociais, diz noutros que vivemos diariamente!
    Também eu já mordi a língua muitas vezes, porque enquanto estou por "dentro" não consigo fazer a distinção do exagero!
    https://jusajublog.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Eu por acaso não sou muito de partilhar esse tipo de experiências do facebook. Partilhei uma vez quando fui de férias, mas só o fiz quando regressei. Para mim o face é um momento de descontracção quando estou em transportes... Acho que apesar de achar que sou viciada, até sou bastante equilibrada nesse aspecto.
    Beijinhos

    ResponderEliminar