7 de janeiro de 2019

Nem sequer indignada...

Uns estão indignados...outros mais popularuchos acharam um must e até se emocionaram (como comentavam as velhotas, fãs leais, no café).
Eu achei um momento hilariante...Um momento para o qual não tenho sequer palavras... Se calhar até tenho. A minha célebre frase "Já nada me espanta"!



13 comentários:

  1. Só vi há pouco e achei um momento de extrema generosidade. E como alguém comentou no instagram da Cristina Ferreira, não foi «o Presidente a ligar para a apresentadora, foi um amigo de longa data a ligar para outra amiga». E isso é de uma ternura comovente

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Entendo perfeitamente essa perspectiva...Eu também o faço a amigos de longa data...no entanto, guardo essas manifestações de ternura para momentos mais privados e, além disso, não sou o PR. Mas, como digo, já nada me espanta.

      Eliminar
  2. É muito redutora a sua visão de que os "outros mais popularuchos" se emocionaram...Creio que me incluo nesse grupo apesar de não ser velhota nem fã leal. Vi o programa e achei uma mistura de Ellen com Oprah com muita Cristina. Foi genial, uma manobra publicitária de mestre. O telefonema, um pouco exagerado, sim, mas em linha com o perfil do nosso PR. Quando diz que reserva essas manifestações para o privado fica a duvida, teria como as tornar públicas nesta dimensão? E se tivesse, fá-lo-ia se servisse os seus propósitos?
    Filipa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os meus propósitos seriam sempre diferentes e como digo há uma certa reserva que se impõe a quem exerce as funções de órgão de soberania. ESclareço que não me chocam as manifestações de solidariedade com a população em geral em tempos de crise ou mesmo com pessoas que sejam símbolos nacionais.

      Eliminar
    2. É evidente que os seus propósitos seriam outros, não sendo uma figura pública como a Cristina nem o PR. A minha pergunta foi noutro sentido, no de expôr algo privado se isso servir determinados propósitos (mais ou menos nobres, depende da perspetiva). Portanto, não ficaria chocada se o telefonema fosse feito em direto mas para um símbolo nacional.... (pensei que esses já tinham todos falecido:)) Esclareço que não sou fã nem defensora da Cristina, apenas considero que para além dos uns (indignados) e outros (mais popularuchos) há outros, os que vêm as coisas como são e não ficando indignados nem sendo fãs, reconhecem a perfeita genialidade de quem soube manobrar a situação e aproveitar para colocar o país a falar de um simples programa de TV que estreou ontem e nem sequer em prime time.
      Filipa

      Eliminar
    3. Para que conste, não sou fã da Cristina mas também não fiquei indignada. Apenas não me emocionei, e como já referi supra, já nada me espanta. Já não me espanta utilizar-se o PR para por o país a falar sobre um simples programa de televisão de puro entretenimento. Aos 45 anos ainda tenho muito para ver, mas o que já vi até agora vai-me deixando imune a estes golpes de genialidade.

      Eliminar
  3. É mesmo isso: Já nada me espanta!
    https://jusajublog.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  4. Ao principio fiquei chocada... depois pensei que este é o meio deles e o nosso PR é mesmo assim, espontâneo!! Mas também entendo o ressentimento dos outros profissionais da área!
    No fim, acho que não foi um momento para ser analisado!!

    ResponderEliminar
  5. Embora goste Deles, achei uma ridículo. Se o fizesse em privado ficava-lhe melhor. Enfim.


    Bjos
    Votos de uma óptima Terça- Feira.

    ResponderEliminar
  6. Achei ridículo! E gosto muito de ambos!

    ResponderEliminar
  7. Acho que não lhe ficou bem. O telefone estava lá para alguma coisa, já ensaiada.. Enfim!:)

    Alma desinquietada...
    Beijo - Boa noite!

    ResponderEliminar
  8. Para além de soar a falso e ensaiado porque a ser sincera a chamada era feita em privado, parece-me que ele se esqueceu que é presidente da república e que não foi para estas palhaçadas que foi eleito. Mas realmente não já espanta ninguém.

    ResponderEliminar