19 de agosto de 2019

Coisas que me ultrapassam...

Uma das coisas que sempre me revoltou foi a necessidade que outrora existia de, quem não tinha outros meios de ter acesso a médicos, se ir para a fila do Centro de Saúde de madrugada para obter um lugar na consulta.
Felizmente, os tempos mudaram. Quer pelo alargamento do serviço nacional de saúde, quer pela possibilidade de marcação das consultas por outros meios.
No entanto, fico completamente apalermada ao constatar que, para renovar o Cartão do Cidadão das minhas Minis não chega ir para junto da Conservatória do Registo Civil por volt das 7 horas e 30 minutos (note-se que abre ás 9 horas), pois que o número de presentes no local já excedia largamente as senhas que iriam estar disponíveis.
Mais...não existe prioridade para quem pretende fazer Cartão do Cidadão de recém nascidos...
Não encontro justificação...quem tem mais de 25 anos, pode renovar o dito documento on line, nas juntas de freguesia e em outros espaços do cidadão...porquê esta loucura toda???
Alguém tem alguma explicação?

14 comentários:

  1. Nesta altura de férias não se pode pensar em tratar desses assuntos! É um caos...Loucura mesmo.


    Dia da fotografia. E um fim de semana diferente.
    Beijos e uma boa noite!

    ResponderEliminar
  2. Tem a certeza que os recém nascidos não têm prioridade? Digo isto porque fui na última sexta levantar o meu CC e confirmo que as senhas esgotam super rápido, mas no entanto vi vários casais com recém-nascidos com senja prioritária e a serem rapidamente antendidos. Mais com a lei da prioridade nem acredito que seja possível! Quanto aos maiores de 25 anos fazerem online, eu bem tentei mas não consegui usufruir!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu pensava que deviam ter, nos termos gerais, mas um amigo meu telefonou para a CRC aqui da zona e disseram-lhe que não e ele tem uma bebé com 1 mês. Tambem achei estranho.

      Eliminar
    2. Ele que se informe melhor... porque nem faz sentido!

      Eliminar
  3. Eu não. As duas vezes que o diz cheguei volta das dez e não esperei mais do que meia-hora. Se for viva, tenho que o renovar em Outubro do próximo ano. Espero que as coisas estejam melhores na altura.
    Abraço e uma boa semana

    ResponderEliminar
  4. Esta situação é terceiro mundista...Tanta burocracia mesmo com todos os serviços informatizados e ligados em rede...de duas uma, ou ous funcionários são incompetentes e não dominam o software, ou o software é arcaico.

    ResponderEliminar
  5. No Consulado aqui as pessoas passavam a noite à espera para o dia seguinte.
    O último Cônsul (Vítor Sereno) virou tudo do avesso.

    ResponderEliminar
  6. Eu fui fazer o passaporte em Portugal com a minha filha e tive senha prioritária... As prioridades estão previstas na lei.
    Os meus sogros continuam a ir às 6/7 para o centro de saúde porque ainda é difícil conseguirem alguma consulta de urgência no centro de saúde...
    Também não esquecer que há muita gente mais velha que não se ajeita a fazer as coisas on-line, os meus sogros são uns deles e nem 60 anos têm.

    ResponderEliminar
  7. Onde moro a renovação do CC é feita apenas por agendamento. Portanto, quando chegamos à loja do cidadão, somos atendidos num curto espaço de tempo porque temos aquela marcação feita. É muito simples. Quanto à prioridade não sei, mas o CC dos recém-nascidos já se faz no hospital, evitando essas cegadas... fiz lá o da minha filha.

    ResponderEliminar
  8. ughhhh!!! SIIIIMMM!!! é horrível e havia meios tão mais fáceis que podiam criar ou pôr em funcionamento para não perdermos horas - ou dias, ou semanas - só para tratar desses assuntos!!

    ResponderEliminar
  9. Somos tão evoluídos em certas coisas e noutras parece que paramos no tempo :/

    ResponderEliminar
  10. É lamentável. No Brasil isso acontece devido ao descaso do poder público, à imensa burocracia que torna tudo lento e ineficiente.

    estranhome.blogspot.com

    ResponderEliminar
  11. Olá, cresci a pensar que era uma vergonha (os centros de saúde) com as pessoas de idade a ter de marcar consultas com meses de antecedência ou a ir sem saúde para a fila para ter uma das 5 senhas disponíveis...

    Ainda assim, depois da crise, vilas como Sesimbra, fora do período de verão, têm consultas bem limitadas a nível de horários...

    quanto ao cartão do cidadão... pensava que dava para marcar um dia no tempo...

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  12. Nem sei o que te diga.... realmente é absurdo! E eu lembro-me sim de ficar horas e horas à espera nas Urgências, por exemplo... um horror.

    ResponderEliminar