Pois, está bem!

Vem, com grande destaque, na imprensa, a notícia de que o uso de sites "piratas" decresceu em cerca de 70% em Portugal, desde 2015, sucedendo o mesmo em muitos países europeus. Ao ler isto pensei que algo de estranho tinha acontecido com os portugueses, sempre tão habituados a conseguir "pela porta do cavalo" os filmes e as séries do momento.
Contra mim falando, sempre fui defensora de que se devia aplicar um sistema como já se faz em muitos países, em que, ao adquirir-se um CD, um disco externo ou uma pen se paga uma (percentagem de direitos de autor, independentemente do seu fim), acabando-se com a criminalização de determinadas condutas, criminalização essa que não obedece senão a interesses económicos...
Mas, adiante. Continuando a ler a notícia pude concluir que não houve qualquer mudança de mentalidades...a utilização dos sites piratas diminuiu porque, voilá, grande parte dos sites em questão são imediatamente bloqueados.
Diminuiu o uso de sites piratas pelos portugueses e europeus em geral??? Pois, está bem!


7 comentários

  1. Penso que existirá sempre a ... Pirataria!!!
    Bj

    ResponderEliminar
  2. Tal e qual o que ia dizer... diminuiu porque os bloqueiam a todos.
    Com o que se paga de internet e por um dvd, cd, etc, deveriam deixar livremente esses sites a serem utilizados.
    Sim, eu usáva-os. Não tenho tv em casa e era a minha única solução.
    Comprar as coisas, ao preço a que estão, está fora de questão.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  3. Se bloqueiam os sites é normal que as pessoas não os usem

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  4. Já se nota que a maioria já estão bloqueados.
    Basta reparar em sites de futebol... mas existem sempre uns que fecham, outros que abrem.. Lol

    Boa noite
    Beijos

    ResponderEliminar
  5. Eu acredito que tenha mesmo diminuído... Plataformas como o Stremio e a introdução do Netflix em Portugal devem ter feito a sua diferença :)

    ResponderEliminar
  6. Não sei se haverá solução para a pirataria. Não sou de acordo com o tal "imposto" em componentes de armazenamento porque claramente há imensos usos e estariam a pagar todos por uma parte, mas não consigo pensar em nenhuma medida que ajudasse a diminuir a pirataria.

    ResponderEliminar
  7. Penso que a pirataria irá existir sempre!

    amarcadamarta.blogspot.pt

    ResponderEliminar